SONANGOL divulga lista de empresas a alienar

A Sonangol divulgou, no passado dia 20 de setembro, uma lista de 50 empresas e activos, participadas e controlados, a alienar, para as quais tem projetadas apresentações técnicas em Angola e no estrangeiro, a terem lugar no final de outubro. No âmbito do Programa de Privatizações (ProPriv), a Sonangol deverá alienar 20 empresas e ativos até dezembro, 26 empresas em 2020, 3 em 2021 e 1 em 2022. A lista, de acordo com a Lusa, inclui desinvestimentos na Sonangol Cabo Verde – Sociedade e Investimentos; Combustíveis e Óleos de São Tomé e Príncipe; Founton (Gibraltar), Sonatide Marine (Ilhas Caimão), Solo Properties Nightbridge (Reino Unido), Societé Ivoiriense de Raffinage (Costa do Marfim), Puma Energy Holdings (Singapura) e Sonandiets Services (Panamá), até 2021. A Administradora da petrolífera angolana, Josina Baião, disse que a companhia vai vender a sua participação nas empresas WTA-Houston Express e na francesa WTA, além dos ativos nas imobiliárias portuguesas Puaça, Diraniproject III e Diraniproject V, nas petrolíferas Sonacergy – Serviços e Construções Petrolíferas e Sonafurt International Shipping e na Atlântida Viagens e Turismo. A Sonangol detém, igualmente, ativos a privatizar em empresas angolanas dos sectores da saúde, educação, transportes, telecomunicações, energia, construção civil, recursos minerais, petróleo e banca.

Partilhar o artigo "SONANGOL divulga lista de empresas a alienar"

Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedIn